Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Bem-vindos ao meu cantinho, cantinho este recheado de pensamentos sobre o meu dia-a-dia, reflexões e opiniões. Sintam-se como que em casa.

#t-h-i-s ♥

"In order to be irreplaceable one must always be different." Coco Chanel

b-i-t-c-h

por nobody tavares, em 06.02.13

E sabem que mais? As minhas professoras esta semana viraram todas umas autênticas bitches. 
Estou cansada de as aturar, só de saber que é só amanhã e sexta e depois fim-de-semana prolongado, ui até já canto! 

publicado às 22:39

DSDS #4

por nobody tavares, em 19.01.13

O episódio de hoje do DSDS foi grande, muito grande e cheio de coisas muito surpreendentes. O que marcou este episódio foi mesmo a presença do Menderes Bagci. 


Este senhor está sempre presente nos castings do DSDS, desde que o programa existe à 10 anos. O Dieter já o conhece e sabe muito bem de que farinha ele é feito. Pobre coitado já teve uma recall mas correu mal. 
Oh Menderes tu és persistente.
Continuando, como sempre houve quem cantasse muito bem e quem não tivesse a mínima noção do que estava ali a fazer. Houveram momentos cómicos também.


Este rapazinho fez-me rir, tem uma voz de rapariga e então quando cantou Justin Bieber, ai que o Tom queria rir-se xD Mas até que nem cantou mal mas acho que na recall ele não vai ficar, algo me diz que não.

E o que eu disse? Não gostei mesmo nadinha desta Fairuz. Primeiro quando soube que ela tinha uma página no Facebook fui ver e fiz um like para estar a par do que ela pudesse dizer. Começaram a haver muitas coisas sobre ela e eu já não estava a gostar muito porque ela aproveitou-se muito daquela imagem dela e do Bill. Segundo, esta rapariga é uma mentirosa autêntica porque disse na página do Facebook que não era fã e que apenas o Bill tinha ido falar com ela porque estava nervosa e bla bla bla mas no fim fez aquela pequena observação de que ele até é 'hot'. Terceiro, hoje no programa viu-se muito bem que tipo de miúda ela é. Tem a mania que é muito aventureira, é daquelas que pensa que é boa e leva a amiguinha para tudo o que é lado. Quarto, a reacção dela ao descer as escadas tramou-a porque ficou logo toda entusiasmada por ver o Bill e o Tom e nada contra porque se fosse comigo, oh meu deus eu nem conseguia descer as escadas. Disse que era uma grande fã deles, oops Fairuz... Tudo bem nada contra. Ela não cantou nada de especial, achei a voz dela muito banal, comum. O Dieter não ficou impressionado e o Mateo também não, entretanto ela dançou porque pediram e não querendo parecer má, ela parecia que estava a dançar num bar de striptease...ela tem dezasseis anos e prontos sabia que isto ia passar na televisão mas aposto que ela só fez os movimentos que fez porque estava diante deles os dois, mas depois lá teve uma segunda oportunidade e também não foi lá muito boa e veio a terceira. Não sei mesmo porque que lhe deram a recall ! É que ela na recall pelas imagens viu-se que não cantou muito bem e mesmo assim passou. Ou seja, ela já esta garantida para o live show.
Ela implorou por tudo para passar e o Bill lá lhe deu a folha... era bom se agora todos os aliens fossem e cantassem mal, implorassem e ele desse uma recall. Enfim, não gostei nada dela.


Nota-se mesmo que o Bill estava a gostar do que estava a ouvir. 

Uma das coisas que reparo muito é que ele passa a vida a comer ursinhos e a beber, raios o partam é que eu também quero ursinhos :o

 

 Aquela língua deixou-me a fazer umas caretas ...

 
 
 
 
 

 

publicado às 22:36

hurricanes and suns

por nobody tavares, em 05.10.12

Eu disse que ainda passava por estes lados para contar as coisinhas que se têm passado. Vou aldrabar as horas do post só para que fique com a data de sexta-feira, hahaha.
Como referi num post em relação aquela bitch da minha turma, na quarta-feira houve reunião e foi a reunião mais demorada de toda a minha vida, desde as 18:40h até quase às 21h, muito tempo mesmo! 
A minha mãe ficou com má impressão da directora de turma, não vou dizer que foi só a minha quando na verdade foram metade dos encarregados de educação. Ela nem um sorriso mostrou, que nojenta... 
Resumindo e concluindo: a directora de turma negou que me chamou de peixeira mas disse que iria apoiar-me mais visto que o meu português está um pouco enferrujado como ela disse. Ela ficou foi com o rabinho no meio das pernas.
Na quinta-feira pode-se ver uma directora de turma diferente, mais atenta, mais dentro dos assuntos, mais simpática, mais atenciosa e bla bla bla. Espero mesmo que ela continue assim senão vamos ter problemas. 
Quanto ao assunto assunto daquela bitch que tenho na minha turma só vai ficar resolvido terça-feira na reunião de conselho disciplinar ou lá como isso se chama. 
Querem saber a melhor? A menina andou terça, quarta e quinta sempre a sair das aulas e a cadelinha ía atrás dela pois ela sentia-se mal e segundo ela vomitava sangue, huuuuuuuu vai morrer! Enfim, o mais engraçado é que ela foi apanhada por uma funcionária a forçar o vómito. OOOOOPS FAIL!
Mas de resto esta tudo normal, gosto bastante da minha turma, na minha opinião damo-nos todos bem. Tirando os trabalhos que tenho para fazer este fim-de-semana, está tudo bem!
Eu ía aproveitar o meu feriado para meter tudo em dia, passar as coisas a limpo, trabalhar no excel mas as minhas primas convidaram-me para ir passear um pouco e diverti-me, como sempre. Comi uma francesinha, oh meu deus ao tempo que já andava a desejar uma, hahaha! A parte mais engraçada foi no restaurante, comecei a cantar a "Gangnam Style" com uma letra diferente, um pouco vergonhosa para algumas pessoas mas como a vergonha é coisa que não me assiste quando se trata de "Billaconda", eu cantei sem tabus ;) Depois faço um post a esclarecer melhor esta parte pois tenho a certeza que a minha adorada cunhadinha quer saber mais.
Vou escrever na fic está bem? Fiquem bem :) 

publicado às 23:28

B-I-T-C-H

por nobody tavares, em 29.09.12





A minha ausência aqui no blog deve-se a uma simples criatura nojenta. Mais uma vês deixei-me iludir pelas aparências, fui boazinha demais e agora? Agora estou metida em sarilhos, e dos grandes!
Tudo começou na quarta-feira, a minha turma nas disciplinas práticas é dividida. Eu adoro o meu grupo, somos bastantes unidos, cumprimos os prazos, participamos ordeiramente, não gozamos uns com os outros... estão a imaginar assim 14 alunos espectaculares? Bem é o meu grupinho. Entretanto no outro grupo o caso muda de figura. As raparigas dão-se mal, os rapazes riem-se delas, os trabalhos não são apresentados pois não estão feitos e bla bla bla. Ponto da situação: houve problemas por causa disso.
Umas trocas baldrocas que acabaram em queixas ao director da escola, enfim c-r-i-a-n-ç-a-s ! Ah! esqueci-me de referir que a "menina" que fez queixinhas tem 18 ANOS. Entretanto ficou tudo resolvido pelo que me contaram. No dia a seguir, logo pela manhã tivemos espanhol muito bem, até estou a gostar dessas aulas, ouvimos sempre música o que acaba por despertar os alunos. Chego à sala e vejo que a tal menina que foi fazer as queixinhas não está a cumprir com a planta da sala de aula, esta junto da "cadela" dela, quando o seu lugar é junto a mim. Mas não me preocupei, pois talvez ela queria ficar junto à "cadela" para desabafar. O dia continuou e essa tal menina sem me dirigir a palavra, nem a mim nem a outra minha amiga que também não teve nada haver com o assunto. E eu muito preocupada não haja dúvidas, visto que até morro se não ouvir ela a falar para mim :o não mesmo! 
Já na última aula do dia, quando fui ver o telemóvel tinha uma sms dela. "Oi.Vou ficar no cacifo com a V. Esquece.Tchau" - que madura que ela é !!! Fiquei surpreendida não esperava que ela fosse assim, mas o que me deixou meia irritada, diguamos assim, foi o facto de ela não me ter dito isso na cara. Detesto que não me digam as coisas na cara.

Na manhã de ontem saí de casa acompanhada pela minha prima visto que ela dormiu em minha casa e seguimos para a escola, pelo caminho encontramos uma colega de turma da minha prima, (já vão perceber o porquê de tantos detalhes) e juntas fomos ter com a J ao mesmo sítio de sempre. Quando cheguei lá vi que a "cadela" da outra estava lá, juntei 1+1 e percebi logo que ela estava à espera da amiga. Entretanto a J chegou e mesmo atrás dela vinha a parvalhona com o namorado. A mesma cumprimentou a "cadelinha" e preparou-se para ir para a escola. 
"L posso falar contigo?"- perguntei bastante educadamente.
"Eu não tenho nada para falar contigo, não me chateies!" - respondeu ela num tom elevado.
Detesto que me falem alto, não suporto e então logo pela manhã que é quando a minha paciência se esgota mais depressa é excelente! Explodi  e disse-lhe que ela ia dizer-me porque que não me dirigia a palavra e o porque de não me ter dito na cara uma simples coisa quando ela nesse mesmo dia tinha passado todos os intervalos por mim.
Ela começou a elevar o tom de voz e o namoradinho dela agarrou-a pelo ombro e disse com a sua voz de papagaio para ela ir embora. Eu sem mais demoras disse que não era nada com ele mas sim com a namorada, logo ele não tinha que se meter. E de seguida mandei-a falar baixo para mim, porque eu estava a falar baixo para ela.  Ela disse que não tinha nada a dizer e foi embora, e eu que já conheço a peça disse-lhe que fosse imediatamente ao director fazer queixinhas que lhe ameacei, pois ela é uma autêntica reclamas ! Até reclama por causa de um simples croissant que compra no bar, vejam só. A S disse ao namorado dela para parar com os sorrizinhos cínicos senão endireitava-lhe o nariz sem custo algum.

Fui para a escola. A primeira aula foi interessante mas acontece que para mim é escusada visto que tenho o módulo feito e ainda por cima com 20 ! No intervalo estive sempre animada junto da S, da J, da minha prima, da L e da A. O intervalo acabou e eu fui para a sala onde iria ter HCA. Estava ainda a turma a entrar e eu já me encontrava a pousar a mala no chão preparando-me para me sentar de seguida quando entra a popota da minha diretora de turma pela sala a dentro a gritar pelo meu nome, chega à minha e, desculpem o termo, espetou-me com uma folha branca na cara e disse que ela iria ser a própria a dizer para eu ser expulsa pois fazer esperas à minha colega é demais, não estamos em nenhum bairro, segundo palavras dela. 
Sem mais nem menos fui atrás dela, eu e mais as minhas amigas que estavam comigo pois também lhe tinham feito uma espera. Ela disse que não tinha nada a dizer-me pois agora a única pessoa com quem eu iria falar era o director. Imaginem só, eu que em 11 anos de escola NUNCA mas NUNCA  meti um pé na direcção. Fui procurar a minha directora de curso pois ela já tinha sido minha professora e conhece-me bem, a mim e às restantes. Quando chego junto da minha professora vejo que a queixinhas e o papagaio do namorado estavam lá a falar com ela.

Esperamos que eles acabassem de falar e fomos de seguida ter com a diretora de curso. Perguntamos-lhe se ela poderia falar connosco e ela disse que já sabia do que se passava mas que o melhor a fazer agora era mesmo ir atrás da queixinhas porque ela ia à polícia. POLÍCIA? Não, é demais! Fomos a correr ter com ela, pois acho que involver polícia já é demais. Estava prestes a sair do portão da escola. Chamamos por ela mas ela ignorava até que se virou sem mais nem menos e disse :
" Não me dirijam a palavra, agora vão falar é com o meu advogado!"
Assério mostrenga? Eu e as restantes começa-mos logo e a dizer-lhe que ela não podia ir, que ía ficar mal e bla bla bla. Entretanto calei-me e deixei que as outras falassem pois algo estava a colar em mim. E o que era? O papagaio do namorado dela. Perguntei-lhe para onde ele estava a olhar e ele começou com o sorriso sínico. 
"Ou viras o olhar a bem ou a mal, tu não me olhas assim"
Foi apenas o que eu lhe disse, ou seja, o suficiente para que ele começasse a ameaçar que ia bater e sinceramente adoro quando isso acontece! Provoquei mais e mais, queria dar-lhe o gosto de ele dar a primeira pois a segunda e a terceira eu queria ter o prazer de lhe dar em minha defesa. Detesto rapazes que batem em raparigas. O porteiro meteu-se o que fez com que ele não conseguisse me tocar com um dedo que seja.

A directora de curso arranjou um tempinho e fomos as raparigas todas para uma sala, decidimos que íamos resolver tudo. O namoradinho ficou de fora pois não pertence à turma. Cada uma contou a sua versão, sim a única versão diferente foi a da menina ameaçada. Conclusão: a directora de curso não acreditou nela, primeiro porque ela estava sempre a interromper-nos, segundo ela é uma queixinhas, terceiro é mentirosa. A subdirectora da escola veio à sala e assumimos perante ela que estava tudo resolvido. Fomos para a sala, a planta voltou a ser a mesma, eu e ela juntas. Na minha cara tinha um sorriso super grande e super sínico estampado. Resolvi que iria dar-lhe desprezo. Tudo correu bem o resto da manhã e nem sequer foi preciso escrever algum depoimento. Saí e fui para casa almoçar, um almoço que me soube pela vida acompanhado de uma sobremesa maravilhosa. A foto linda dos Kaulitz numa entrevista. Agradeço à cunhada por me ter avisado.

De tarde por norma não tenho aulas mas tinha e ainda tenho um trabalho de inglês para fazer e então fui para a escola ter com as minhas amigas. A minha prima também foi porque tinha que estudar geometria. Tivemos uma tarde animada. Durante o intervalo, o namorado da queixinhas não parava de olhar para nós. O intervalo acabou, os corredores voltaram a ficar vazios e voltamos a ter o silêncio que necessitávamos para continuar o trabalho. Decidimos ir embora quando toca para os alunos saírem, um grande aglomerado de estudantes no portão da escola. Uns a fumar, outros a lanchar, a trocar sms ou simplesmente a conversar. Malas aos ombros, capas nas mãos e prontas para o fim-de-semana quando o papagaio chega acompanhado do tio. Retrato físico do tio: Alto, gordo, cabelos brancos e horroroso. Perguntou-nos se fomos nós que ameaçamos o sobrinho dele. Resolvemos tudo, falamos sem problemas e dissemos que nenhuma de nós o tinha ameaçado mas o rapaz disse entretanto que eu lhe tinha ameaçado que lhe ia partir as pernas.
"Óh T, acho que já estas a falar demais. Vai lá ter com a tua namorada que mais parece um travesti que eu trato disto" - palavras do tio dele. O tio pediu desculpa pelo mal entendido e foi embora.
Suspiramos e de uma vez por todas demos um passo em frente mas ... voltamos a parar. Desta vez veio o primo, sem rodeios e aos gritos.
"Estou a avisar-vos, a primeira a ameçar o meu primo é morta! Eu estouro-vos, rebento-vos todas, ficam estendidas na porta da escola com um tiro!" - disse o primo do papagaio.
As minhas amigas começaram a disparatar enquanto o homem já virava costas e eu ainda a assimilar tudo. Eles foram embora e nós permanecemos ali.
As raparigas falaram logo em ir à polícia e à direcção. Eu juro que estava completamente assustada. As palavras polícia e direcção assustam-me pois não são sítios que eu goste pois nunca tive necessidade de os visitar. Mesmo assim obrigaram-me a ir à direcção dizer o que se tinha passado mas eu não abri a boca, foram elas que falaram pois eu não sou queixinhas alguma.
"Meninas vocês são de tão baixo nível! A escola não tem nada haver com isso nem pode fazer nada. Vocês criaram o problema e o tio ou primo ou periquito, não importa, tem todo o direito de defender!" - acreditem-se, palavras da subdirectora! A minha escola é mesmo excelente.
Isto ficou assim, nada podemos fazer. Resta-nos esperar por segunda-feira.
Eu não tenho medo algum. Se há coisa que não me assiste é o medo de marcar as minhas mãos na cara de um rapaz. Isto tudo devido a mentiras. Ela e o namorado mentem com todos os dentes que têm e depois dá nisto. Sim esqueci-me de referir que o namorado tem 19! Ou seja eu que tenho 15 e 1.50m intimidei-o segundo palavras do tio. É boa esta, sim senhora. 

Nunca estive metida em confusões e bastou-me conhecer aquela psicopata para que isto me acontecesse, a mim e às minhas amigas. Agora que ela começou eu vou acabar com isto! Ela ainda não me viu irritada. Dois avisos:
A ela- vou endireitar-lhe o nariz!
A ele- vou partir-lhe dente, um a um! 
 
 
 
 
 

publicado às 23:27

onde se meteram?

por nobody tavares, em 30.08.12
 

Nunca mais vou acordar cedo para ficar à espera das minhas primas. Era suposto elas estarem aqui às 10h e entretanto nem sinal delas. Sabem que mais? Não me interessa, quem perde são elas pois o almoço estava muito bom e a sobremesa, uhlala melhor ainda! Cheesecake!
É o que dá combinar as coisas com elas, nunca aparecem a horas ou então não aparecem mesmo e nem se dignam a avisar. É bem é bem ... 

 

publicado às 13:30


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D